Tão importante quanto escolher o procedimento cirúrgico é a escolha do cirurgião plástico responsável por ele. Afinal,o profissional deve examinar a aptidão do paciente para a cirurgia, orientar cuidados no pré e pós- operatório, entre outras orientações e cuidados essenciais.

Diante disso, a escolha acertada do profissional diminui os riscos de a cirurgia plástica ter complicações. Inclusive, muitas vezes, essas situações estão associadas a irresponsabilidades cometidas por cirurgiões.

É o caso de médicos que atuavam ilegalmente, por exemplo. Contudo,a intenção deste artigo não é trazer pânico para você. Pelo contrário, a ideia é apresentar os cuidados necessários na escolha do profissional para haver mais tranquilidade durante o procedimento.

É importante pesquisar sobre o médico, avaliar sua formação técnica e checar os detalhes sobre seu atendimento, tanto em seu site quanto nas redes sociais. Ver a opinião de pacientes e se é um médico bem avaliado com certeza ajuda na escolha.

Para procedimentos específicos de face, como por exemplo o Deep Plane Facelift e o Deep Neck, é importante conferir se é uma técnica que o cirurgião está habituado, se faz parte do seu dia a dia e se ele apresenta o domínio total da técnica por meio de explicações e informações.

Continue a leitura!

Avalie sites e redes sociais do cirurgião plástico

Essas plataformas podem servir como busca para identificar a ética médica. Isso porque muitos compartilham imagens de cirurgias e procedimentos estéticos com o antes e depois do paciente, por exemplo.

Contudo, essa prática é proibida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e SBCP. Afinal, a exposição das imagens fere a integridade dos pacientes. Logo, desconfie dos profissionais que fazem isso para se autopromover, mesmo que ultrapasse a ética.

Analise as referências do cirurgião plástico

Procure saber a visão de diferentes pacientes quanto a abordagem do cirurgião plástico cogitado. Afinal, o profissional pode fornecer imagens dos resultados bem sucedidos efetuados anteriormente. Entretanto, a relação médico-paciente também é muito importante.

Assim, procure informações com amigos, familiares ou conhecidos quanto a disponibilidade do profissional antes e depois do procedimento. E ainda, analise o nível de atenção depositada, caso o paciente tenha se queixado de alguma complicação, por exemplo.

Confira o registro profissional

Conforme mencionado, alguns cirurgiões plásticos envolvidos em polêmica atuavam na ilegalidade. Isto é, tinham o registro profissional cassado ou não eram filiados. Por isso, você pode e deve conferir o registro profissional no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

Médicos filiados na SBCP tiveram a formação mínima necessária e passaram por uma avaliação para poder atuar na área. Então,ao considerar profissionais qualificados para execução de um procedimento cirúrgico, o nível de segurança é elevado.

Faça uma consulta prévia

A partir das dicas citadas já é possível efetuar uma triagem dos profissionais selecionados. Então, o passo seguinte pode ser uma consulta prévia para tirar dúvidas.Assim, aproveite o momento para perguntar sobre melhores indicações para o seu caso, detalhes da cirurgia, anestesia usada, etc.

É fundamental não ter vergonha de perguntar e preferencialmente anotar todas as dúvidas para não as esquecer. Afinal, a autoridade, a atenção e a disponibilidade mostradas pelo cirurgião plástico contribui para a tomada de decisão.

Analise o preço cobrado

Faça um comparativo dos preços de mercado para realizar uma cirurgia e desconfie de quem cobra valores muito abaixo. Isto é, esse procedimento precisa custear a internação do paciente, a equipe médica e a cirurgia.

Nesse sentido, o valor é proporcional aos anos de estudos e experiência dos profissionais envolvidos, manutenção da clínica ou hospital e materiais usados.

Logo, se o preço oferecido for muito baixo, é possível que a qualidade e a segurança sejam comprometidas. Contudo,também não é recomendado escolher um profissional por simplesmente cobrar o valor mais alto. Como visto,existe uma série de critérios a serem analisados.

Então, conseguiu entender quais critérios devem ser avaliados ao escolher o cirurgião plástico? A busca é  indispensável para um resultado mais seguro e, consequentemente, satisfatório.

Isso pode ser ainda mais relevante se for uma cirurgia facial. Afinal, o rosto é uma das

partes mais delicadas do corpo, devido às milhares de terminações nervosas.

Diante dos fatores apresentados, deu para entender o quanto é importante selecionar bem o profissional que cuidará da sua cirurgia, não é mesmo?

Convidamos você a conhecer um pouco mais da nossa clínica.

Fale conosco e agende já o seu atendimento.